Prémio de Boas Práticas de Participação

O Prémio de Boas Práticas de Participação consiste numa iniciativa da Rede de Autarquias Participativas (RAP), que se constituiu a 3 de Dezembro de 2014. A RAP nasceu no âmbito do Projeto Portugal Participa, financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian, enquanto entidade gestora do Programa Cidadania Ativa, com o apoio da Noruega, Islândia e Liechtenstein, através do EEA Grants. 


Este Prémio, de carácter anual, visa constituir um incentivo à implementação, disseminação e valorização de práticas inovadoras de democracia participativa. Pretende-se desta forma reconhecer e valorizar instrumentos que apelem ao envolvimento dos cidadãos em toda a esfera da vida pública, ou seja, na elaboração, gestão, implementação e avaliação de políticas públicas; fomentar o desenvolvimento dessas práticas; incentivar iniciativas capazes de reconstruir a confiança na democracia portuguesa através da criação de espaços de partilha de poder entre a Administração Pública e cidadãos; e ainda, construir um historial de boas práticas de democracia participativa no país.


Podem candidatar-se ao prémio todos os membros da RAP, durante 1 a 30 de Outubro de 2015 através da apresentação de formulário próprio, que poderá ser descarregado nesta página e enviado para portugalparticipa@in-loco.pt. Relembramos que o processo de adesão à RAP é contínuo, bastando para isso assinar a Carta de Compromisso e remetê-la à Associação In Loco.


Consultar o regulamento aqui.

Download do formulário aqui.


As práticas a concurso serão analisadas por um júri independente e publicitadas para votação pública numa plataforma online, sendo que cada uma destas fases terá um peso de 50% na pontuação final.


+ INFO

Apresentação dos Resultados da 1ª Fase | Download PDF

Apresentação dos Resultados Finais | Download PDF