Orçamento Participativo de Coimbra tem 5 vencedores
9 de julho de 2018

Terminado o período de votação no Orçamento Participativo, já são conhecidos os vencedores desta 1ª Edição.

Serão publicamente homenageados na próxima 4ª-feira, no âmbito da sessão comemorativa do Dia do Município.

Hoje, na reunião do Executivo Municipal de Coimbra, a vereadora Regina Bento anunciou que o Coimbra Participa tem dois vencedores.

O 1.º  é “Por Este Rio Acima @ Terreiro da Erva”, projeto no valor de, 33.320,00€ e que obteve 2.226 votos.

Pretende realizar  no Terreiro da Erva um “concerto de música ao vivo com uma formação que envolve cerca de 40 músicos e uma equipa de mais de 50 pessoas, todos baseados em Coimbra e pertencentes a diferentes conjuntos, associações, organismos e empresas do Município”.

O espetáculo é construido sobre a obra prima da música tradicional portuguesa, o disco de Fausto Bordalo Dias de 1982, ‘Por Este Rio Acima’, com leituras extraídas do diário de viagem de Fernão Mendes Pinto”. 

“Jardim da Sereia…para brincar!”, projeto no valor de 50.000,00 € e que obteve 2.134 votos, é o segundo vencedor.

Esta proposta pretende dinamizar e trazer de volta as pessoas ao Jardim da Sereia, criando um parque infantil natural no coração do centro histórico, fomentando a reconversão de espaços verdes desaproveitados e articulando-os com as estruturas culturais e sociais próximas (Casa da Cultura, Circulo de Artes Plásticas, Campo de Santa Cruz, Casa de Chá, Instituto Português da Juventude, Restaurante Sereia dos SASUC, Estufas anexas, Projeto Ser(eia) da ANIP, etc), enriquecendo, desta forma, o parque com diversas atividades lúdicas”.

O Coimbra Jovem Participa tem 3 projetos vencedores, o que só foi possível porque sobrou dinheiro do Coimbra Participa, adiantou Regina Bento.

Em 1.º lugar ficou “Uma Curta-Metragem no Centro Histórico de Coimbra, projeto no valor de 15.500,00€ e que obteve 1.259 votos.

Esta proposta tem como base a realização de uma curta-metragem no Centro Histórico de Coimbra com uma duração entre 15 a 20 minutos, inteiramente filmada no Centro Histórico de Coimbra”.

O 2.º classificado é  “Festival de Fado”, projeto no valor de 20.000,00 € e que obteve 1.257 votos.

Quer promover um Festival de Fado de Coimbra e Lisboa com caráter internacional. Este festival deverá ter vários pequenos palcos interiores e/ou exteriores em vários pontos históricos da cidade de Coimbra, aliando o património cultural, histórico e musica”.

O  “1º ‘Festival’ de Humor em Coimbra, projeto no valor de 20.000,00€ e que obteve 1.227 votos, obteve o 3º lugar.

Quer organizar um um evento de 2/3 dias (talvez 2 na fase inicial) em que para além de acolher humoristas com maior reputação, despertar-se-ia o interesse da cidade para este tipo de actividade, dando igualmente oportunidade a humoristas mais jovens e ‘desconhecidos’ do concelho de mostrarem as suas ideias ao público”.

A vereadora adiantou que a 1ª Edição do Orçamento Participativo do Município de Coimbra contou com 53 Propostas, 33 Projetos a Votação,  11.562 Votos registados e 5 Projetos vencedores. 

“Considero que esta foi uma 1ª experiência muito interessante e participada da qual retiraremos, naturalmente, ensinamentos para edições futuras”, disse Regina Bento.

A Câmara Municipal de Coimbra vai investir 138.820€ nestas 5 iniciativas.

O Orçamento Participativo é um mecanismo de democracia participada e participativa que permite aos cidadãos ter o poder de decisão direta sobre a utilização de dinheiros públicos na promoção das políticas públicas.

A Câmara Municipal de Coimbra promoveu em 2018 a 1ª edição do Orçamento Participativo – Coimbra Participa e Coimbra Jovem Participa – “de forma contributiva para o exercício de uma participação informada, responsável e ativa nos processos de governação e decisão”.


Ler artigo completo em: NOTÍCIAS DE COIMBRA