Cerveira e Tomiño apresentam nova edição do Orçamento Participativo Transfronteiriço
26 de julho de 2018

Vila Nova de Cerveira e Tomiño continuam a consolidar a aposta na partilha cada vez mais frequente de serviços, projetos e iniciativas conjuntas. Na passada quinta-feira, o Salão do Concello de Tomiño acolheu a apresentação da 3ª edição do Orçamento Participativo Transfronteiriço (OPT).

Com a presença da alcaldesa de Tomiño, Sandra González, e do presidente da Câmara de Vila Nova de Cerveira, Fernando Nogueira, cerca de 20 representantes de entidades e associações de vária índole e oriundos dos dois municípios assistiram a este encontro que, além de apresentar iniciativas sobre possíveis projetos em comum, serviu também para promover um intercâmbio de ideias entre a administração, a população e as associações.

Desta forma, encontra-se aberto o processo para a apresentação de propostas à 3ª edição do OPT Cerveira-Tomiño. Os interessados podem apresentar as suas ideias-projeto até 22 de outubro, conjuntamente por pessoas ou associações dos dois concelhos. Podem votar os residentes em Vila Nova de Cerveira e Tomiño, maiores de idade. O período de votação decorre entre 8 de novembro e 16 de dezembro, sendo que todo o processo de candidatura e votação será realizado através da página web http://participacerveiratomino.eu/

Dotado com 20.000 euros, o Orçamento Participativo Transfronteiriço é uma das prioridades da Agenda Estratégica de Amizade Cerveira-Tomiño, com a qual se pretende potenciar a participação pública e o poder de decisão da cidadania de ambas margens do rio Minho. Uma vez que, nas edições anteriores, a participação superou todas as expectativas, espera-se que as duas comunidades voltem a envolver-se nesta nova edição do OPT com a apresentação de projetos, de forma a propor soluções a problemas comuns de Vila Nova de Cerveira e de Tomiño.

O OPT é um projeto cofinanciado em 75% pelo programa INTERREG VA POCTEP de cooperação transfronteiriça, através de fundos FEDER da União Europeia. A Agenda Estratégica de Amizade Cerveira-Tomiño promove igualmente iniciativas como a provedora transfronteiriça e ações para facilitar a utilização partilhada de serviços e a dinamização económica do território.

Ler artigo completo em: JORNAL C