A instalação de um parque infantil e o reforço da iluminação do Jardim Dona Leonor Afonso, nos Arrifes (75.000€, 1060 votos); a requalificação do espaço envolvente ao edifício Polivalente de Capelas (75.000€, 730 votos); a repavimentação das ruas Nossa Srª das Dores e Gaspar Medeiros, na Covoada (35.000€, 582 votos); e a requalificação da área de recreio da EB1/JI Professor Doutor Alexandre Linhares Furtado, na Fajã de Baixo (50.000€, 569 votos).

O autarca destacou a importância do Orçamento Participativo de Ponta Delgada enquanto “projeto de cidadania que ajuda a criar e a desenvolver responsabilidade e responsabilização e a promover uma cultura democrática”.

O Presidente congratulou-se com a participação, quer ao nível da apresentação de propostas, quer ao nível da votação, sendo que este ano o número de votos duplicou face ao ano passado, e traçou uma evolução positiva do OP, nomeadamente no que respeita ao aperfeiçoamento do regulamento.

Satisfeito com o realizado, admitiu, no entanto, que a participação ainda está aquém do desejável.

Bolieiro agradeceu a participação e empenho de todos os intervenientes: proponentes, responsáveis autárquicos, comunidade que participou ativamente e voluntários.

Nos 10 Encontros de Participação estiveram 254 participantes e foram apresentadas 62 propostas: 33 propostas foram alvo de análise técnica e 18 passaram à fase de votação pública (mais 3 do que no ano passado). Registaram-se 6698 votos e 3349 votantes."


Créditos de imagem: Açoriano Oriental