Já são conhecidos os projetos vencedores da 2.ª edição do Orçamento Participativo de Aveiro

Já são conhecidos os 10 os projetos vencedores da 2.ª edição do Orçamento Participativo com Ação Direta (OPAD) de Aveiro. Projetos de compostagem, lazer e património estão entre os que obtiveram maior número de votações.

Dos projetos apresentados a votação para a segunda edição do Orçamento Participativo com Ação Direta (OPAD) de Aveiro, os Aveirenses elegeram 10 para a sua Cidade, aos quais será atribuída uma verba de 150 mil euros para sua a execução.

Durante a fase de votação, que decorreu entre 4 de junho e 9 de julho, foram recebidos 888 votos, distribuídos via online (359), na plataforma do OPAD, e sms (529).

Já pensou transformar os seus restos de comida em adubo biológico? A Ciclo Compost, já. E isso fez com que fosse o projeto mais votado, com 134 votos. Este projeto consiste em oferecer um serviço de recolha de bio resíduos ao domicílio, valorizando-os através do processo de compostagem. A recolha dos bio resíduos decorrerá semanalmente em casa de cada participante, ao volante de umas cargobikes devidamente equipadas, levando-os até compostores comunitários perto do campus da Universidade de Aveiro (HortUA).

O segundo projeto com mais votos foi o BRINC’Aveiro, que pretende promover a “arte” de brincar e as atividades de rua, através da criação de espaços de convívio na via pública, como a pintura de jogos tradicionais no pavimento e a instalação de bancos de madeira e espaços verdes, com o propósito a rua às crianças e famílias.

Há, ainda, mais projetos que irão nascer na Cidade por via do OPAD, como, por exemplo, um parque canino, um percurso ciclável e pedestre, para promover o património ligado à água, e mesas de xadrez ao ar livre que, distribuídas pela cidade, prometem atrair miúdos e graúdos para esta atividade lúdica.

Os 10 projetos vencedores da 2ª edição do Orçamento Participativo com Ação Direta (OPAD) de Aveiro são os que a seguir se apresentam:

1. Ciclo Compost – O projeto consiste em oferecer um serviço de recolha de bio resíduos ao domicílio, valorizando-os através do processo de compostagem. Os participantes terão como contrapartida adubo biológico para as suas plantas, sendo o excedente da produção doado para outras hortas comunitárias na Cidade;

2. BRIC’Aveiro – Este projeto pretende promover o brincar e as atividades de rua, através da criação de espaços de convívio na via pública com a pintura de jogos tradicionais no pavimento e a instalação de um conjunto de módulos de madeira, como bancos e espaços verdes, com o propósito de se devolver o espaço da rua às crianças e famílias;

3. Rota de Água – Criação de percurso ciclável e/ou pedestre que se desdobra em três percursos de menor extensão para valorização do património ligado à água, e promoção da Freguesia de Requeixo, Nossa Senhora de Fátima e Nariz;

4. Aveiro a Compostar – Este projeto pretende dar a conhecer o conceito de compostagem a toda a população de Aveiro. Com sessões informativas, oficinas, ciclo de cinema e showcooking, o “Aveiro a Compostar” tem como objetivo consciencializar para o desperdício que é produzido nas nossas casas e ajudar a melhorar a qualidade do solo e reduzir as emissões de gases com efeito de estufa associadas ao transporte;

5. Por um planeta com menos plástico – Projeto dirigido a todos os habitantes de Aveiro e tem como objetivo reduzir o consumo de plásticos no quotidiano e incentivar as famílias a ter atitudes mais amigas do ambiente;

6. Parque do Salgueiral – Implementação de um parque de lazer, na freguesia de Cacia, com o objetivo de criar um parque físico com mobiliário urbano, congregando um conjunto de iniciativas promotoras da biodiversidade, e igualmente da economia circular;

7. Parque Canino – Criação de um equipamento urbano interativo para os animais, de fácil instalação e higienização, que permita a sua socialização;

8. Xadrez ao Ar Livre nas Freguesias de Aveiro – O objetivo deste projeto visa a colocação de 10 equipamentos de mesas de xadrez, democratizando o acesso a uma atividade de cariz intelectual e lúdica, trazendo o xadrez para os parques e locais de lazer e as pessoas para o convívio salutar;

9. TricotaRia – TricotaRia é um projeto que assenta na partilha dos saberes associados às artes manuais – o tricot. A proposta apresenta duas ideias: um espaço fixo, que servirá como armazém, e a possibilidade de levar esta arte de forma itinerante a outros locais;

10. Parque das Merendas de Sarrazola – Criação de um espaço que atenda toda a população, com o reforço de áreas verdes e a integração de uma zona de merendas com churrasqueira, capazes de permitirem uma fruição de excelência por parte das pessoas.

Mais informações sobre os projetos vencedores no site do OPAD Aveiro

Notícia disponível em Notícias de Aveiro